quinta-feira, 12 de novembro de 2009

JORNALISMO SÓ COM FORMAÇÃO

Precisamos, agora, todos unidos, fortalecer o movimento e seguir na direção de sua aprovação definitiva.

No próximo dia 24 de novembro, uma terça-feira, às 9 horas, em frente à Reitoria da UFBA, haverá uma grande manifestação de estudantes e profissionais de comunicação em defesa do diploma. Precisamos reunir o máximo possível de colegas, todos com camisas azul (preferencialmente) e/ou branca.

A idéia é também que os estudantes estejam com seus rostos pintados de azul e branco. O azul é, inclusive, a marca do movimento.

Vamos vencer essa luta !

Com estima e apreço,

Ipojucã Cabral (POPO)

Diretor da ABI Bahia.

sábado, 7 de novembro de 2009

Transalvador lança campanha de atenção à pessoa idosa

A Superintendência de Trânsito e Transporte do Salvador (Transalvador) lançou a Campanha de Atenção à Pessoa Idosa, que inclui ciclo de palestras em instituições governamentais e não-governamentais, que trabalham com idosos ativos, entre outras atividades. A programação engloba ações educativas em áreas de maior fluxo de idosos, a implantação de gradis com mensagens de respeito ao idoso e mensagens nas “bandeiras” eletrônicas dos ônibus.

De acordo com a Transalvador, a proposta é reduzir fatores de risco associados à mobilidade e acessibilidade do idoso, desenvolver linhas de cuidados de segurança no trânsito para a terceira idade, propiciando educação e respeito ao idoso. A campanha pretende fortalecer os vínculos entre gerações, reforçando o respeito ao assento reservado ao idoso nos ônibus. O ciclo de palestras em instituições que desenvolvem ações com idosos teve a primeira palestra realizada na quinta-feira (5), na sede da Previs, Av. Joana Angélica, no bairro de Nazaré. As ações educativas nos ônibus estão programadas para a partir do dia 10 de dezembro. Também estão previstas ações nas estações de transbordo.

Datas das palestras na Previs – Av. Joana Angélica, 7º andar

09.11.09 - das 15h às 16h - Grupo Viva a Vida

17.11.09 - das 9h30 às 11h30 - Grupo Alegria Alegria

terça-feira, 27 de outubro de 2009

domingo, 30 de agosto de 2009

Dia do Maçom

A honra e a reputação de um Maçom não estão nos critérios exigidos pela Maçonaria para a Iniciação de um profano, mas na essência do ser humano. Doravante devemos fazer a nossa parte não nos templos maçônicos, porém em nosso dia-a-dia trabalhando a nossa alma e cuidando dos nossos sentimentos, pensamentos e ações.

Assim sendo compete a todos nós, iniciados da Ordem, desenvolvermos um trabalho para que todos percebam a grandeza e o valor moral da Maçonaria.

Busquemos espiritualmente os nossos valores morais e filosóficos, assim nos tornaremos homens livres e de bons costumes.

Salve o dia 20 de agosto de 2009, Dia do Maçom!

Luciano Suedde
Venerável Mestre
Loja Castro Alves 1704 – Salvador – BA.

terça-feira, 18 de agosto de 2009

EXPOSIÇÃO CARROS ANTIGOS



O Ir.´. Petrônio Cardoso, membro da Loja Castro Alves - Salvador, convida a todos para visitar a exposição de carros antigos que está acontecendo no Shopping Paralela, durante o período de 17 a 31 de agosto. O evento é uma parceria com a Veteran Car Clube Bahia.

sábado, 15 de agosto de 2009

BARRAQUEIROS ADEREM À DEMOLIÇÃO







Depois de Pituaçu, a próxima demolição de barracas de praia na orla de Salvador está marcada para terça-feira (18), na praia de Jaguaribe. Cinquenta barracas serão demolidas pelos agentes da Secretaria de Serviços Públicos e Prevenção à Violência (Sesp) e da Superintendência de Controle e Ordenamento de Uso do Solo do Município (Sucom). As ações ocorrem sem transtornos com os barraqueiros, já que trabalhadores e Prefeitura estão firmando acordo e assinando os respectivos termos de intenção.

Enquanto aguardam uma decisão judicial, que irá definir a situação da orla, os barraqueiros serão temporariamente relocados, até o próximo dia 29, em boxes de venda na Estação Transbordo do Iguatemi, onde permanecerão de forma provisória durante a semana. Já nos finais de semanas os barraqueiros poderão colocar um toldo e 20 jogos de mesas nas áreas onde ficavam suas barracas.

Segundo o secretário Sesp, Fábio Mota, as estruturas estão semi-destruídas e dão um aspecto de favelização à orla da cidade, são unidades com a construção inacabada, em péssimo estado de conservação ou consideradas inapropriadas pela Vigilância Sanitária. A primeira etapa do projeto prevê a demolição de 80 barracas, que, de acordo com Mota, não têm condições de atender à população, instaladas entre as praias de Pituaçu e Piatã. Estão previstas ainda demolições em mais três praias: Piatã, Placafor e Amaralina.

Grande Porte – As demolições de edificações de grande porte em péssimo estado de conservação na orla de Salvador começou segunda-feira (10), com o prédio principal do Clube BNB, no Corsário. A ação faz parte do projeto Cidade Limpa, que, num prazo de 30 dias, pretende retirar 80 barracas no trecho entre Pituaçu e o antigo Casquinha de Siri. A requalificação da orla começa no bairro de São Tomé de Paripe indo até a Praia do Flamengo e teve início em junho, com a retirada do excesso de publicidade que comprometiam o paisagismo.

Ana Karina Dias, moradora de Pernambués e frequentadora assídua da praia de Pituaçu, se diz animada com toda essa mudança. “Todos nós vamos sair ganhando, principalmente os barraqueiros, pois com as barracas novas vão atrair ainda mais os turistas”, declarou. Nilzete Paixão acredita que já era tempo de a Prefeitura fazer esta intervenção. “Um cenário como este amedronta e espanta qualquer um que passa por aqui. Depois de tudo pronto terei prazer de vir à praia”.


quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Cajazeiras ganha Coordenadoria de Defesa do Consumidor






O secretário municipal de Serviços Públicos, Fábio Mota, e o coordenador municipal de Defesa do Consumidor, Rubem Carneiro Filho, inauguraram, nesta quarta-feira (12), no populoso bairro de Cajazeiras, uma unidade da Coordenadoria de Defesa do Consumidor (Codecon). A unidade vai funcionar no imóvel onde está localizado o Serviço Integrado de Atendimento Regional (Siga), na Estrada do Coqueiro Grande, Quadra D – Fazenda Grande II. Com a inauguração desta unidade, a população do bairro não precisará mais se deslocar ao centro da cidade para defender os seus direitos.

Os profissionais do órgão, vinculado à Secretaria Municipal de Serviços Públicos e Prevenção à Violência (Sesp), vão orientar os cidadãos quanto aos serviços diretamente ligados ao consumidor, como a realização de cálculos de financiamento de veículos, empréstimo pessoal, cartão de crédito, plano de saúde, antecipação de prestação, dentre outros. Os moradores do bairro agora também poderão reclamar, junto à unidade, os serviços prestados em má condição de funcionamento.

O coordenador da Codecon destacou a importância de, cada vez mais, a Prefeitura ampliar os serviços de atendimento ao consumidor, ressaltando que o papel do órgão é orientar o cidadão sobre os seus direitos diretamente ligados à relação de consumo. Outras duas novas unidades do órgão serão inauguradas pela Prefeitura até o final deste ano, uma em Itapuã e outra na Avenida Suburbana.

A unidade de Cajazeiras vai funcionar de segunda a sexta, das 8 às 17 horas, com previsão de atender 80 pessoas por dia. Segundo o secretário de Serviços Públicos, a estrutura vai funcionar com advogado, estagiário, calculista e servidores. Atualmente, há três unidades do Codecon em funcionamento na cidade: na Estação Transbordo do Iguatemi, na Rua Chile, onde funciona a sede, e na Península de Itapagipe, localizada na Avenida Porto dos Mastros, na Cidade Baixa.

Além dos moradores da região, participaram da inauguração da unidade de atendimento ao consumidor, em Cajazeiras, secretários municipais, assessores da Prefeitura e a dirigente do Siga Cajazeiras XIV, Eliana Moraes Lima Mascarenhas.

segunda-feira, 27 de julho de 2009

DOLAR EM QUEDA

Pressão de bancos leva dólar a fechar em queda de 1,1%


SÃO PAULO (Reuters) - O dólar encerrou em baixa ante o real, diante da pressão dos bancos para manter a cotação da moeda norte-americana em baixa para defender suas posições.

Em dia de agenda fraca de divulgação de indicadores econômicos relevantes, a pressão dos bancos para a queda do dólar se sobressaiu ao movimento de realização de lucro nas bolsas de valores.

O dólar recuou 1,11 por cento nesta segunda-feira, para 1,876 real, na mínima do dia.

Para o diretor da NGO Corretora, Sidnei Moura Nehme, os bancos têm pressionado pela queda do dólar no mercado à vista para cobrir suas posições vendidas com lucro.

Os bancos estavam com 4,39 bilhões de dólares em posição líquida vendida no mercado futuro da BMF Bovespa no dia 24 de julho.

Além disso, no mercado à vista, a compra de dólares pelo Banco Central acima do fluxo cambial tem ampliado a posição vendida dos bancos.

Os bancos aumentaram para 1,292 bilhão de dólares sua posição vendida em dólares no dia 23 deste mês, ante 524,4 milhões de dólares no final de junho, segundo informou o BC nesta segunda-feira.

Para o gerente da Fair Corretora, Mário Battistel, a tendência para o dólar é de queda, com a balança comercial brasileira apontando superávit e a melhora do fluxo de recursos para o Brasil.

A balança comercial brasileira teve superávit de 653 milhões de dólares na quarta semana de julho.

(Reportagem de Silvia Rosa e José de Castro)

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Demanda interna por turismo tem condições de crescer e ajudar o setor, afirma Ipea


Pedro Peduzzi
Repórter da Agência Brasil





Brasília - A participação do turismo na economia brasileira pode ser maior do que os 2,5% registrados atualmente, apesar dos prejuízos causados pela crise financeira internacional. Basta que o país crie as condições para formar as demandas a partir da parcela considerável da população brasileira que se encontra à margem do mercado turístico. A conclusão é do estudo Crise Mundial e seus Reflexos sobre o Turismo no Brasil, divulgado hoje (25) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

Segundo o estudo, a inserção de novos contingentes populacionais ao mercado turístico exigirá uma presença maior do Estado, no sentido de garantir a sustentabilidade da atividade que tende a ocupar um papel cada vez mais relevante na economia mundial.

Mas para obter sucesso nessa empreitada, segundo o estusdo, é necessário que, antes, o país invista na expansão e na melhoria da infraestrutura de acesso às cidades. Principalmente com estradas e aeroportos, porque o aumento da competitividade da indústria do turismo está ligado ao processo de desenvolvimento do país, dependendo tanto de sua infraestrutura física como da qualidade da mão de obra utilizada pelo setor.



sábado, 20 de junho de 2009

Eletrobrás deve pagar dividendos retidos neste ano

Por Denise Luna RIO DE JANEIRO (Reuters)

- A Eletrobrás deve pagar neste ano aos acionistas dividendos retidos nas décadas dos anos 1970 e 80, afirmou o presidente da estatal, José Antonio Muniz. "Estou apostando que neste ano pagamos esse dividendo", disse Muniz em entrevista exclusiva à Reuters na noite de quinta-feira, na sede da companhia. "O dinheiro para pagar os dividendos está em caixa. Estamos trabalhando para pagar neste ano", reforçou, após ser novamente perguntado sobre o tema. A Eletrobrás reteve dividendos que deveriam ter sido pagos aos donos de ações ordinárias, para a realização de investimentos. Cerca de um quinto dos dividendos refere-se à parcela de acionistas minoritários. Muniz descartou que a emissão de bônus global em andamento --uma operação de 600 milhões a 1 bilhão de dólares-- seja para pagar os dividendos, afirmando que o dinheiro irá para o fundo de investimentos das subsidiárias da holding. Segundo o diretor financeiro e de Relações com os Investidores da Eletrobrás, Astrogildo Quental, dos cerca de 10 bilhões de reais em dividendos retidos, de 4 bilhões a 5 bilhões de reais serão pagos em dinheiro e o resto em ações. "Queremos equacionar o problema este ano. A intenção é resolver o quanto antes, nos próximos dois meses de preferência", comentou Quental. Se a capitalização ocorrer, o free float da Eletrobrás subirá de cerca de 20 por cento atualmente para algo em torno de 25 por cento, segundo Quental. O Tesouro Nacional e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES) possuem 80 por cento do capital da holding do setor elétrico. Segundo o diretor, o BNDES já concordou em receber os dividendos devidos em dinheiro e em ações. A empresa negocia agora com o Tesouro.

terça-feira, 16 de junho de 2009


Experiência turística, na cidade de Aracaju, durante o último final de semana. Éramos 8 casais de Salvador-Ba, levados pela agência Bahia Vista. A agência organizou todo o pacote, incluindo a hospedagem no Real Classic Hotel http://www.realclassichotel.com.br/hotelclassic/interna.wsp?tmp_page=inicial e o acompanhamento das guias Cidnólia (Cid) e Carla. Durante todo o trajeto de Salvador a Aracaju nos foi oferecido lanche, todas as informações, atenção e dedicação por parte das guias. Em Aracaju tivemos o competente e caloroso acompanhamento da guia Irma, presidente do Sindicato das Guias de Turismo do Estado de Sergipe.
O ponto negativo e desagradável ficou por conta do check-in no Real Classic Hotel. Chegamos às 15h e ficamos no hall até às 17h30min esperando os apartamentos ficarem prontos para que pudéssemos nos acomodar. Durante todo esse período apenas a nossa guia Cid nos deu atenção e dizia que estava se empenhando ao máximo para que o Real Classic resolvesse a situação. Na Recepção do hotel o que se via era um total descaso, apenas uma pessoa atendendo telefones, recebendo hóspedes e orientando os mensageiros.
Nada justifica a falta de responsabilidade, profissionalismo e respeito com que fomos recepcionados naquele hotel. A impressão que fica é da ganância dos empresários. O segmento turístico no Brasil a cada dia tem se tornado coisa muito séria. É inadmissível que os empresários do ramo hoteleiro da cidade de Aracaju continuem agindo de forma amadora e desrespeitosa. É preciso que a ação corresponda aos padrões de beleza e encantamento do povo sergipano.


Enviado para todos os Jornais de Grande Circulação Nacional e Local (Aracaju)


Luciano Suedde
+ 55 71 - 8873-0830

quinta-feira, 11 de junho de 2009

AS BOLSAS DE VALORES DOS EUA

Bolsas dos EUA sobem com alta de commodities e dados do emprego



NOVA YORK (Reuters) - As bolsas de valores nos Estados Unidos fecharam em alta nesta quinta-feira, ajudadas por ganhos nos preços das commodities e por sinais de melhora no mercado de trabalho.

Mais cedo, depois de um leilão de bonds de 30 anos do governo dos EUA registrar sólida demanda, todos os três índices de ações subiram mais de 1 por cento.

O índice Dow Jones, referência da bolsa de Nova York, subiu 31,90 pontos, ou 0,37 por cento, para fechar a 8.770 pontos, abaixo da máxima da sessão de 8.877 pontos.

O índice Standard & Poor's 500 ganhou 5,74 pontos, ou 0,61 por cento, para encerrar em 944,89 pontos, abaixo do pico de 956,23.

Já o Nasdaq, do setor de tecnologia, teve alta de 9,29 pontos, ou 0,50 por cento, para fechar em 1.862, ante uma máxima da sessão de 1.879.

(Reportagem de Rodrigo Campos)

sábado, 6 de junho de 2009

Fãs se aglomeram para comprar Palm Pre, novo rival do iPhone

NOVA YORK/CHICAGO (Reuters) - Pequenos grupos de pessoas se juntaram neste sábado em lojas da Sprint para o lançamento do Palm Pre, o smartphone visto como a melhor chance da Palm de recuperar o mercado perdido para os rivais iPhone, da Apple, e Blackberry, da Research In Motion.

O novo telefone, considerado um produto fundamental para a Palm e Sprint Nextel, foi muito elogiado em resenhas.

As filas estavam muito menores do que aquelas que circundaram as lojas da Apple para o iPhone, mas muitos disseram que desejavam o produto.

"Eu quero o matador do iPhone. Eu venho prevendo isso faz tempo," afirmou Peter Lewis, que comprou telefones para ele e para a sua mulher em uma loja da Sprint na zona norte de Chicago, onde cerca de 45 pessoas fizeram fila horas antes da abertura do estabelecimento.

"Esse é o meu presente de aniversário para mim mesma," disse Wilma Rivera, 36, uma técnica em calefação que levou sua filha de 17 anos para a principal loja da Sprint em Manhattan.

Rivera, usuária de longa data do Palm, afirmou que, embora tenha ficado tentada pelo iPhone, vendida apenas pela AT&T nos Estados Unidos, ela nunca "quis deixar a Sprint."

O Pre está chegando às prateleiras pouco antes do provável anúncio da Apple do novo iPhone, em 8 de junho.

O pequeno teclado do Pre deve atrair usuários que acham difícil digitar na tela touchscreen do iPhone. O telefone foi o aparelho mais comentado na Consumer Electronics Show, em Las Vegas, em janeiro.

A Sprint espera atrair clientes corporativos, mas o Pre pode ter dificuldade de entrar nesse nicho, com grandes e geralmente conservadores departamentos de tecnologia dentro das empresas.